Opinião: traders de Bitcoin da Coréia do Sul pagarão um imposto de 20%

De acordo com a cripto-mídia local da Coréia do Sul, as autoridades do país estão considerando um aumento no imposto sobre ganhos de capital em operações com moedas digitais de até 20%.

De onde vem esta informação?

Essa conclusão foi feita por representantes do setor privado, que discutiram iniciativas legislativas do governo da Coréia do Sul.

Qual é a razão para isto?

Essas possíveis alterações legislativas podem estar associadas a uma nova interpretação de criptomoedas: como uma mercadoria, não como uma moeda. Ou seja, ativos digitais podem ser considerados certificados eletrônicos de valor econômico, mas durante as operações são considerados ativos.

“Até agora, os ativos virtuais eram reconhecidos apenas em função da moeda e não eram tributados sobre a receita. Recentemente, bitcoin e outras criptomoedas são cada vez mais negociadas como commodities. Isso levanta uma série de questões, como a necessidade de tributação, o reconhecimento de ativos intangíveis com uma avaliação de propriedades, bem como o reconhecimento dessa avaliação em ativos virtuais ”, diz a publicação.

Para quem será projetado?

Representantes do setor privado acreditam que as novas regras se aplicarão apenas a residentes da Coréia do Sul, enquanto todos os demais estarão isentos desse imposto.