A Binance não está licenciada para operar na jurisdição da Malásia

A SEC da Malásia anunciou que a maior bolsa de criptomoedas da Binance não tinha autorização oficial no país.

A Binance não passou no procedimento de autorização

De acordo com as leis deste país, as trocas de criptomoedas devem ser registradas no SC local como trocas para negociar ativos digitais. Após a apresentação do pedido relevante, as empresas têm um período de nove meses para cumprir os requisitos do regulador financeiro. Até o momento, apenas três trocas de criptomoedas conseguiram obter aprovação oficial da SC Malaysia, entre elas Luno, Sinegy e Tokenize.

Binance tem grandes planos para a Malásia

Anteriormente, foi relatado que, para testar o novo cartão de pagamento da Binance antes do lançamento oficial nos países europeus, a administração da empresa escolheu Malásia e Vietnã. E a ação do SC local ainda não recebeu nenhuma reação da troca de criptografia.

Não é a primeira vez no ano passado

Esta não é a primeira vez que a Binance tem uma posição jurídica precária em alguns países. Em junho de 2020, constatou-se que a bolsa não tinha uma permissão de trabalho no Brasil e, em fevereiro deste ano, uma declaração semelhante veio do regulador financeiro de Malta.